Quarta-feira, 22 de Julho de 2009

ONU: Brasil, um dos 5 países mais atrativos para se investir

  Relatório da Unctad diz que investidores escolheram China, Estados Unidos, Índia, Brasil e Rússia; Brasil subiu uma posição, neste ano, levando a Rússia para 5º lugar; país atraiu US$ 45,1 bilhões em 2008; apesar da crise, setor deve se recuperar lentamente no próximo ano. Investimentos no Brasil Investimentos no Brasil


Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.


Um relatório da Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento, Unctad, revela que o Brasil está entre os cinco países mais atrativos para investimentos estrangeiros diretos. A "Pesquisa sobre Perspectivas para o Investimento Mundial 2009-2010 foi publicada nesta quarta-feira na sede da Unctad, em Genebra, na Suíça. Pelo documento, o próximo ano deve registrar uma recuperação lenta no número de investimentos estrangeiros diretos com um retorno mais signicativo apenas em 2011. Brasil e Rússia Segundo os entrevistados para o estudo, China, Estados Unidos, Índia, Brasil e Rússia seriam os melhores destinos para possíveis investimentos. O Brasil subiu uma posição, ultrapassando a Rússia. No ano passado, o Brasil atraiu US$ 45,1 bilhões em investimentos, um crescimento de cerca de 30% se comparado ao ano anterior. Segundo a agência, as empresas transnacionais foram fortemente afetadas pela recessão mundial. Destaque Quase seis em cada 10 entrevistados disseram ter reduzido seus negócios fora de casa. O ex-secretário-geral da Unctad, Rubens Ricupero, disse à Rádio ONU, de São Paulo, que uma das razões para o destaque do Brasil com os investidores estrangeiros é o tamanho do mercado consumidor do país. "Grande parte do comércio atacadista e de varejo no Brasil está em mãos de grandes cadeias estrangeiras como o Carrefour, como o Walmart. Este tipo de investimento se sente encorajado porque o Brasil está se consolidando num mercado consumidor cada vez maior. Mão-de-Obra Barata O fator que está contribuindo mais para que a economia do Brasil não decline tem sido exatamente o consumo das famílias e do governo", explicou. O relatório da Unctad revela que a mão-de-obra barata é um dos fatores-chave na hora de investir no exterior. As tendências de globalização medidas por produção, emprego, investimentos e vendas devem levar à recuperação do setor em 2011. Os setores automotivo, de metais e químicos aparecem como os mais afetados pela crise. Os menos atingidos são os de agronegócios, serviços e farmacêuticos. A pesquisa foi compilada com base em 241 respostas enviadas aos organizadores do estudo.

publicado por ecotv às 21:08

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?

.Twitter ECOTV

http://twitter.com/ECOTV

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28

.posts recentes

. Antártica: avanço da vege...

. País produz 1o. modelo de...

. Capivari de Baixo, mobili...

. Tubarão subscreve ação co...

. Movimento pela vida, não ...

. A voz dos jovens

. A BP usou dispersante tóx...

. Instituto ambiental fede...

. Sea Shepherd questiona d...

. Belo Monte: Pandora é aq...

.arquivos

. Fevereiro 2013

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

.tags

. todas as tags

.favoritos

. Aquecedor solar de garraf...

.as minhas fotos

.Twitter ECOTV

http://twitter.com/ECOTV
blogs SAPO

.subscrever feeds